Surreal

Deu na mídia:

“Uruguai ensinará português nas escolas públicas a partir de 2010”

Tudo bem, beleza. Parte do acordo com o Mercosul que eles estão cumprindo. Mas a questão é: estão recebendo cursos de formação e livros de……………………………………………..Portugal!!!

Gente, um país que faz fronteira com o nosso. Olha que política linguística mais doida. Daqui a pouco a brasileirada cruza a fronteira e dá de cara com os uruguaios falando com sotaque alfacinha. Só que português de Portugal é outra língua. E ninguém avisou a eles.

Ah, quero meus sais, purfavô!

*********************************

Notícia daqui e daqui.

Advertisements

6 Comments

Filed under Uncategorized

6 responses to “Surreal

  1. Arthur

    Só vai piorar as coisas, pois muitas vezes é mais fácil entender espanhol que português de Portugal.

  2. com certeza, thur. lembro que uma vez eu tava na graduação, vendo um filme de um cineasta português, Manoel de Oliveira. as legendas eram em francês. pois, olha, eu achei mais fácil entender as legendas, com meu parco francês, do que entender as falas dos irmãos lusos. por aí você vê…

  3. já vi tanta coisa nesse mercosul q nem me assusto mais…
    beijos

  4. Juro que não quero dar uma de advogada do diabo, mas um amigo meu que dá aula de portugues pra estrangeiro disse que a gente tem pouquíssimos materiais, livros, cds com audio, e que um dos mais usados foi elaborado há trocentos anos por uma ilustre professora da usp, que nem era assim, uma assumidade no ensino de lingua, entende? E um professor de portugues que dá aulas na França tbm já me disse a mema coisa.

    quero dizer: confere? ou existe material bom pra ensino do português do brasil?

    bjos

  5. aline, esse material aqui deve ser o da raquel ramalhete, lançado há uns 20 anos atrás. acho que hoje em dia tem bons materiais, sim. eu não sou da área, não trabalho com isso. o que eu acho é que poderia haver um convênio, por exemplo, com universidades da fronteira e acho que o MEC deveria fomentar uma política linguística pro mercosul. acho que a gente tem bons professores e materiais e que não seria preciso portugal prover os livros. mas eu ouvi de um professor que trabalha no uruguai que se não fossem os portugueses, os uruguaios estariam bem mal. bjs

  6. Não, o material de que falei é da profa. Samira Iunes, e deve ter pelo menos 25 anos. Eu tbm acho que deve haver mais coisa, e que sobretudo nós temos capacidade pra desenvolver materiais. Mas é que nesse sentido, a lusofonia é fraca, desorganizada e tem em portugal a maior referência de lingua standart. Se eu não me engano, aliás, muitos livros usados pra ensinar espanhol aqui no Brasil tomam como padrão a variante de Espanha. Alguns professores mais resistentes procuram materiais que valorizem a américa latina ou completam o material.
    Assim, em miúdos: eu tenho a impressão que é descaso mesmo, sabe? Com a área de ensino de línguas, de transmissão de cultura e conhecimento.

    Bjos e boa viagem.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s