Mais um

Mais um post da série “mau humor bombando”.

*****************************************

Decidi fazer outro perfil no Twitter. Na verdade, resolvi isso hoje, agora há pouco. O Twitter seria um lugar legal pra gente falar mal do mundo e das pessoas chatas que nos perseguem, não fosse pelo fato de que muitas dessas pessoas chatas agora estão lá. São nossas ‘seguidoras’. Alunos, primos, gente do trabalho, aquele irmão do amigo do teu ex-marido que adora te cantar, não falta nenhum. O meu Twitter é fechado e tem sete solicitações pendentes de gente querendo ‘me seguir’ [pra quê? eu não falo nada que preste, hahahaha!]. Tem umas duas semanas que eu não escrevo uma linha sequer lá, nem leio as coisas que meus amigos escrevem porque baixou um espírito brocha aqui que não quer me abandonar.

Então, resolvi que vou abrir aquela bagaça e fazer outro perfil, onde eu vou poder ‘vomitar’ meu mau humor com gente que me entende.

Na boa, eu prefiro isso a ter que fazer um perfil anônimo com um pseudônimo do tipo “Flor do Campo” ou “Goshtosa de Niterói” [não que eu não seja gostosa, mas, né?]. Como diria a Su, isso é muita chinelagem, ou, traduzindo em dialeto carioquês: é muito brega!

****************************************

A Mary W. tá certa. A diversão tá no Twitter. Aqui, a única vantagem é poder postar coisas com mais de 140 caracteres. Agora você me diga: que importância isso tem? De poder digitar mais de 140 caracteres? Tudo o que podia ser dito e que tem alguma relevância no mundo, efetivamente, já foi. Isso que eu faço aqui é reverberar outros textos, emular opiniões. Não se enganem. Ineditismo mesmo só na minha tese de doutorado. Que é pra ser lida por especialistas, a rigor uma raça de gente chata e pedante. Um número ínfimo de gente. O fato é que nada do que eu diga aqui faz a menor diferença. A internet está cheia de gente que mal consegue escrever duas frases sem assassinar o português [se você não entende essa crítica, volte duas casas atrás. Porque aqui eu me refiro ao fato de se poder ser ‘poliglota’ na sua própria língua]. Gente que cita escritores pra lá de conhecidos como se estivesse disseminando a última novidade editorial do planeta.  Mas que acha que tem ‘coisas’ a dizer. Que acha que está fazendo muita diferença. Tudo bem. Ser democrático é isso aí.

Eu não acho que faço diferença alguma. Por isso mesmo escolhi escrever besteiras. Que de vez em quando até fazem algum sentido para mim. Nesse sentido, o blogue é mais um exercício de ‘umbiguismo’ meu. Não se enganem. O futuro está no Twitter e nos seus 140 caracteres.

****************************************

A internet morreu, gente. Viva a internet.

Advertisements

10 Comments

Filed under Uncategorized

10 responses to “Mais um

  1. Tina Lopes

    E depois quer que eu volte! Rá!
    (lembrei do Jô Soares exilado em Paris,lembra? Madaleeeena, vc não quer que eu volte! hahahahaha véia)

  2. mas você faz diferença, ora cacete. faz diferença pra MIM! hahahahahaha. vorta, vorta, vorta!!

  3. Su

    ahahahaha, até eu acho essa expressão engraçada! Tri chinelo! Ó, sou suspeita pra falar de twitter, orkut e tals, sabe? Tenho um pé na falta de paciência com essas coisas que tu não tem noção. Mas enfim, já que é falando m* que se aduba a vida, então eu tb tô lá, dando a minha contribuição pra natureza. 🙂 Beijo beijo!

  4. olha, eu também sou suspeita porque gosto dessas chamadas ‘redes sociais’. a gente ‘tamos’ aí é pra falar bobagem; eu não tô aqui pra levar nada a sério… mas acho que, no final das contas, tem coisas ótimas no twitter. é uma ferramenta muito legal mesmo e tem pessoas que sabem fazer ótimo uso. enfim, dá pra se divertir lá como aqui e assim eu também dou minha contribuição à natureza, né mesmo? hahahaha. bjs, lindinha.

  5. E é como você falou pra Tina, você faz diferença pra gente, pra quem lê! Eu escrevo pra mim. Sempre fui melhor com palavras escritas do que faladas. Tentei parar de escrever, mas sempre volto, é como eu vomito as caraminholas que ficam nadando na minha cabeça, como eu tento ordenar o que se passa no meu mundo. É complicado porque minah outra teoria é que quem tem blog, twitter, orkut e facebook é o que a gente chama de “attention seeker” a gente quer a admiração, o afeto, os elogios, o apoio, o suporte, o conselho dos outros, de quem tá do outro lado lendo o que a gente tem pra escrever (e eu falo isso sendo uma sofredora do mal em um dos seus piores níveis)… Então é difícil parar de escrever, então eu vou escrevendo do meu jeitinho e usando de tratamento do mesmo jeito, tentando vencer essa necessidade de procurar nos outros o que deveria vir de dentro de mim. Mas escrevendo sobre isso, sempre. 🙂

  6. Sou super fã do twitter. Eu acho mesmo divertido, aproxima as pessoas e é muito, muito rápida a passagem de informação. Arrisco dizer que é o mais rápido e democrático no momento. Tinha uns caras naquele lance de Honduras twittando em tempo real. Na boa, qual jornal sabe mais do que os caras q estavam na rua, presenciando??

  7. Gulossita

    Peguei meu chinelinho e sai de fininnnn,rs

  8. ah, gulossita, precisa sair de fininho não. a moça aqui mostra os dentes mas não morde, rs. beijinhos

  9. haline, eu nem sabia isso de honduras, mas é super a cara do twitter, né? acho o máximo. bjs

  10. lelei, a gente sempre quer atenção, né? eu escrevo pros meus amigos. nunca achei que podia chamar quem lê essas coisas aqui de ‘leitores’. é como falar coisas numa mesa de bar, só que sem olhar nos olhos. mas é mais ou menos como eu me sinto. não é um debate, eu quero mais é sentir que as pessoas estão próximas. aqui entram mais ou menos 200 por dia. mas quem eu conheço de verdade, quem fala comigo acaba sendo meus amigos mesmo. e isso é muito foda. bjs

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s