Livros da minha vida

Houve uma época na vida em que eu lia bastante, muito mesmo. Foi antes do vestibular, quando estudava no Liceu Nilo Peçanha e tinha a biblioteca municipal bem no caminho de casa. Embora tenha lido muita porcaria, alguns livros dessa fase foram especiais e determinantes na escolha da minha futura profissão. Foi ali que eu li Sartre pela primeira vez, por exemplo. E Zola. E vários autores brasileiros. Contudo, acho não vale a pena falar desse período, porque eu ainda estava verde e não sabia escolher. O que eu me lembro de verdade foi que aos dezessete anos eu descobri Manoel Bandeira e achei tudo tão lindo que decidi fazer uma faculdade onde se podia estudar poesia.

Minha seleção de livros marcantes, portanto, é a seguinte:

1. Obras Completas de Monteiro Lobato: primeiríssimo na lista dos livros marcantes, a coleção foi presente da minha avó materna (sempre ela) e eu a tenho até hoje, na estante do meu quarto, encapada em couro vermelho e com as páginas super-amareladas. Alguns dos treze livros eu li umas quatro vezes, mesmo depois de adulta. E, embora lançando ao autor e sua obra um olhar crítico hoje em dia, ainda tenho uma vaga sensação de encantamento quando pego alguns desses livros.

2. Crônica da casa assassinada (Lúcio Cardoso): o livro é uma obra prima, uma das melhores coisas que já li. Pra mim o que marcou foi a narrativa carregada, o desejo aflorando em cada linha, a atmosfera sufocante. Tem muitas resenhas maravilhosas sobre o livro como essa aqui. Eu só posso dizer que trata-se de uma das obras mais injustiçadas da literatura brasileira.

3. O Evangelho segundo Jesus Cristo (José Saramago): eu gosto da polêmica que o livro causou e da humanização com a qual ele reveste o mito. Não tenho a menor idéia se é ou deixa de ser um dos melhores ou piores de Saramago. Mas acho que ele é certamente bem melhor do que o Saramago atual. Foi lido numa fase de questionamentos intensos.

4. Investigações Filosóficas (Ludwig Wittgenstein): bom, sobre esse eu poderia escrever durante um ano, de tanto que já li e reli, e por toda a literatura secundária sobre ele a qual já tive acesso. E mesmo assim não seria nem uma mísera parte do que pode ser dito sobre o livro. É uma obra extremamente cerebral, com um estilo solto, sem compromisso com encadeamentos de idéias ou coisa parecida. O autor vai e volta, por vezes como se estivesse pensando alto ou dialogando com diversos interlocutores. Dizem que na Alemanha ele é estudado como literatura. Genial é o mínimo que se pode dizer da obra, considerada divisor de águas não só na carreira de Wittgenstein (fala-se no ‘primeiro’ e no segundo’ Wittgenstein, ou seja, o Wittgenstein antes e depois das Investigações), como também na filosofia contemporânea.

5. A Sangue Frio (Truman Capote): outra obra imprescindível, essencial e necessária [coloque aqui neste espaço outros sinônimos que você conhece: _____________]. Uma escrita violenta, apaixonada, meticulosa e reveladora. Capote consegue a proeza de transformar assassinos frios em gente de carne e osso, com contradições e ternuras, como qualquer mortal comum. Acho magistral.

******************************************

Fica aí a sugestão pra quem quiser fazer a sua listinha.

Advertisements

7 Comments

Filed under Uncategorized

7 responses to “Livros da minha vida

  1. Ronzi

    Estão classificadas em ordem de preferência?

  2. não tem ordem nessa listinha não, ronzi. eu lembrei e fui colocando, só isso. deve ter mais alguns que ficaram de fora. e quais são os teus? bjs

  3. Ronzi

    Ah, o meu TOP 5 agora (pq isso sempre muda)é:

    1. Grande Sertão: Veredas – Guimarães Rosa
    2. O Cão Sem Plumas – João cabral
    3. A Teus Pés – Ana C.
    4. Tu não te moves de Ti – Hilda Hilst
    5. Ariel – Silvia Plath

  4. PD

    Li a Sangue Frio e concordo plenamente com vc. Monteiro Lobato eu não lembro mais.
    De Saramago, quase li Ensaio sobre a Cegueira (comecei umas 3 vezes, mas é chato demais).
    Sobre os outros, nada sei. Acho que vou fazer meu Top5 tb.

  5. Gulossita

    Caminho Suave – Branca Alves de Lima
    (alfabetização pela imagem), rs
    Por isso acho que imagem me diz tanto, como livros para aqueles que conseguem ler.

    Meu maior desejo é conseguir retomar a Leitura, consegui ler memória de minhas putas tristes, do fim pro começo (só assim consigo um pouco) e adorei, tenho uma pilha no criado mudo e de tempos em tempos leio páginas aleatoriamente.
    Dislexia de leitura existe, eu juro.

    Um dos maiores dengos que podem me fazer e ler em voz alta pra eu ouvir, qdo ficar rica, vou contratar um contador de histórias, moreno, alto, bonito e sensual, pra garantir a concentração.

  6. hahahahahaha, melhor comentário foi o da gulossita. contrata sim, e com direito a adicionais. eu não gosto de ouvir ninguém lendo porque perco a concentração muito fácil. aliás, eu perco a concentração em questão de minutos, fato. se eu fosse criança, diriam que tenho DDA. mas eu leio uma, duas, 20 vezes o mesmo trecho até aquilo fazer sentido [digo isso em relação aos livros mais difíceis mesmo]. quanto a ler alto para alguém, eu lia muito pro meu filho quando ele era criança. antes de ele dormir sempre tinha uma historinha ou um livro diferente. lembro de um que ele ganhou que era sobre cinema, grandes clássicos. tinha uns cartões pra criança ir escolhendo e colando de acordo com o tópico que podia ser música, vestuário, cores no cinema. uma coisa linda, até hoje gosto desse livrinho 🙂

  7. PD, my baby, você iria amar lucio cardoso. esse romance, “Crônica da casa assassinada”, é uma obra prima. e, olha, o saramago. eu li o saramago de antes, de “Jangada de pedra”, Memorial do convento” e “História do cerco de Lisboa”. Mais recentememte, comecei a ler “Intermitências da morte” e tive a mesma impressão que você. chatéééééésimo. o Wittgenstein eu só recomendo se você gostar de masturbação mental porque não é uma filosofia pra tratar de assuntos mais imediatamente ‘palpáveis’. filosofia da linguagem é pra quem gosta de grandes debates que não chegam oficialmente a lugar nenhum, os quais, na minha opinião, são sempre os melhores. beijusssss

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s