Agora de manhã

Tomando solzinho na estante


************************************
Kekinha relaxa enquanto eu enlouqueço. Senão vejamos.

1. Acabei de perder as havaianas que estavam nos meus pés. Assim: eu estava calçando as havaianas. Tirei pra fazer alguma coisa. Elas sumiram e eu não consigo achar. Sim, eu já olhei embaixo da cama.

2. Consegui me livrar de uma pilha de papéis, livros e revistas que entulhavam meu quarto. Foi assim que consegui achar a folha com as notas da prova oral dos alunos. Ela tinha sumido e eu estava desesperada.

3. Aliás, muitas coisas somem aqui nessa casa. Algumas eu acho; outras se perdem para sempre, ou até que eu me anime a olhar dentro de cada caderno. Uma vez, numa de minhas mudanças, perdi as fitas cassete [éééé, vocês lembram?] que eu teria que usar numa prova de listening com os alunos. Simplesmente sumiram. Elas apareceram meses depois, quando fui olhar, por acaso, dentro de uma panela.

4. O Natal é semana que vem e eu – juro! – preferia esquecer esse detalhe. Não comprei nada ainda pra ninguém. Nem sei se vou ter saco, paciência, tempo.

5. Final de ano de professor é uma loucura. Além de todas as provas finais pra corrigir [as minhas eu tenho que entregar parte hoje, parte amanhã e sexta. Adivinhem quantas faltam pra corrigir? É, quase todas. E eu aqui, blogando…], todos os seus colegas são professores, o que significa que em dezembro, quando todos encerram a faina, pipocam almoços, jantares, festas, encontrinhos, lanches, cinemas e etc. Todo mundo quer comer rabanada contigo antes que Papai Noel desça pela lareira. Eu simplesmente não tenho fôlego e às vezes desisto.

6. Oi, Papai Noel. Eu quero sumir, tem jeito?

Advertisements

11 Comments

Filed under Uncategorized

11 responses to “Agora de manhã

  1. CariocaExilado

    Pode ser o monstro do armário, os duendes, ou o capeta. Quando eu era criança, lá pelos idos da década de 70, minha avó dizia para amarrar o rabo do capeta na mesa (um barbantinho) até que o “treco” aparecesse. Se não funcionar, apele para São Longinho:

    “São Longuinho, São Longuinho, se eu achar (nome do objeto perdido) dou três pulinhos e três gritinhos (Achei, São Longuinho. Achei, São Longuinho. Achei, São Longuinho.)”

    São dois querendo sumir…preciso de um buraco para me esconder por pelo menos 1 mês. Praia, sombra, água fresca, uma rede e muito sol, sem e-mail, Internet, celular, telefone, correio, televisão…..!!

  2. Sabe que todo mundo fala que eu tenho sexto sentido pra saber onde as coisas estão? Mas uma vez eu li num livro (acho que era Paulo Coelho) que na verdade o segredo é olhar exatemente no último lugar que você olharia. E repassar por onde você andou enquanto estava com o tal objeto – ainda mais se você não mudou de lugar entre a última vez que estava com ele e quando percebeu que tinha perdido…

    Agora fita cassete na panela? Tá parecendo mais caso de Dr. Jakyll and Mr. Hyde (hide, Hyde, eh eh? Quanto vale a piada Sílvio?) 🙂

  3. ei, procura as havaianas dentro de uma panela, q tal? rs
    bjs

  4. pessoal, as havaianas apareceram no quarto do guilherme. detalhe: eu não me lembro de ter estado lá de manhã O.O

    carioca, eu super acredito no capeta. deve ter sido ele que sumiu com as havaianas e as minhas fitas, rs.

    lelei, minha flor: eu sou um caso perdido.

    ju, e não é que dessa vez só tinha comida mesmo na panela? hahahahahaha

    bjs

  5. melhor assim né, imagina tomar sopa de havaianas…
    bj

  6. madoka

    pelo menos não é por falta de grana que não comprou nenhum presente, hihihi.
    bjinhos

  7. Carioca Exilado

    Eu sou o capeta e nem estive na sua casa, mas fico agradecido que você acredite em mim.

  8. monica

    Oi Cris,
    Ontem no no ex-apê achei umas cositas que acreditei estarem perdidas para todo o sempre.
    Bj,
    Mônica

  9. quero notícias tuas.
    logooooooooooooooooo.
    tô preocupada.

  10. Cris!!! Mil anos que eu levo pra voltar pro blog. Nem fala em estresse, cara. Finalmente me livrei dos meus e estou ignorando todos os outros.

    Assim, certeza que são os duendes dos guarda-chuvas que estão sumindo com as suas coisas. 😛

    Havaianas devem estar na cozinha, no banheiro ou nos cantos. Procura nos cantos! 😀

    Beijos, querida. Desejo mais tempo pra você nesse Natal. rs :*

  11. PD

    “Oi, Papai Noel. Eu quero sumir, tem jeito?”

    Tem, sim. Pegue uma carona no saco dele. Ho, ho, ho…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s